Pantanal mantém atração turística apesar dos desafios ambientais

0

Pesca esportiva e turismo de aventura continuam a pleno vapor com completa ocupação hoteleira

 

A pesca esportiva no Pantanal segue sendo um dos principais atrativos turísticos da região, com hotéis e barcos-hotéis lotados, confirmando reservas até o final da temporada.

Este cenário positivo ocorre mesmo enquanto os governos estadual e federal enfrentam incêndios florestais, mostrando que a maior parte dos locais para pesca permanece acessível e sem impedimentos para as atividades turísticas.

Joice Carla Santana, empresária com três barcos-hotéis em Corumbá, afirma que sua frota já atingiu o limite de reservas para o ano, recebendo 6 mil turistas anualmente.

Ela destaca a demanda contínua por passeios familiares, especialmente durante as férias escolares.

“Navegamos por uma extensão de 230 a 320 km no Pantanal e, apesar das queimadas, garantimos a qualidade e a segurança das nossas atividades com fotos e vídeos atualizados para nossos clientes”, explica Joice.

Edna Rodrigues da Silva, do barco-hotel Kalypso, reitera que, apesar das notícias sobre os incêndios, os passeios de pesca prosseguem normalmente.

“Nossas operações não foram afetadas. Continuamos com a ocupação máxima e sem cancelamentos”, diz Edna, reforçando a mensagem de tranquilidade transmitida aos turistas.

Os visitantes como Valdecir Blum, que retorna ao Pantanal pelo décimo quinto ano, elogiam as belezas naturais e a experiência única oferecida pela região.

“É sempre uma experiência especial vir para cá.

A diversidade de animais e a paisagem são incomparáveis”, comenta Valdecir, que viaja com a família de Foz do Iguaçu.

Ademilson Esquivel, vice-presidente da Associação Corumbaense das Empresas Regionais de Turismo (Acert), destaca que as atividades turísticas continuam efetivas, com uma ocupação excepcionalmente alta este ano.

“Estamos em constante comunicação com nossos clientes para assegurar que, apesar dos focos isolados de incêndio, a vasta maioria do Pantanal está pronta e segura para receber visitantes”, afirma Esquivel.

Com mais de 1 mil empregos diretos gerados pelas operações turísticas vinculadas à Acert e uma movimentação econômica significativa, o setor de turismo no Pantanal prova ser resiliente e capaz de superar os desafios ambientais, mantendo seu papel crucial na economia local e na conservação ambiental.

Fonte: Vivianne Nunes
Capital News

Artigo anteriorPadre das Moreninhas é preso após oferecer R$ 2 mil para manter relação sexual com adolescente
Próximo artigoCom tropeço do Flamengo, Botafogo e Palmeiras se aproximam da liderança

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui