Galhardo justifica saída do Inter por atrito com jogador: “Não tem caráter”

0

Na apresentação no Fortaleza nesta quinta-feira (14), Thiago Galhardo explicou o porquê de não ter seguido no Internacional e ter escolhido o Fortaleza como novo clube. Segundo ele, um atrito com um jogador do antigo clube foi determinante para deixar o Inter. Ele não revelou quem é o atleta.

– Eu tive proposta oficializada do Chipre e do Fortaleza. Especulações um monte. Escolhi voltar para o Brasil. Tinha seis meses de contrato com o Internacional. Um dos motivos da minha saída foi o problema que eu tive lá com um atleta, que para mim não tem o caráter, a personalidade. Isso foi identificado depois pelos outros atletas, com a chegada de novos atletas. Eu não quis. Por mais que o clube quisesse. Muitas pessoas me ligaram lá dentro. Não só jogadores, como também funcionários diretos que mandam. A minha história foi feita lá. No século, sou a pessoa que mais tem participação em gols. Eu não queria voltar e talvez manchar isso aí. O melhor era eles seguirem, e eu estar aqui. Estou feliz e isso é o mais importante.

Galhardo revelou que, antes de fechar com o Fortaleza, o contato com o Ceará era sempre voltado para um retorno. Houve jantar em Minas Gerais após a vitória do clube diante do América-MG, no dia 8 de junho.

– Engraçado que eu tive no jogo lá, fui no vestiário depois, muito bem recebido; fui ao hotel, me deram camisa.”Você vai voltar? Você vai voltar? Volta, ajuda a gente!”. Nunca tive problema com nenhum deles. Fui ao hotel. Fala quem quer… Talvez pela perda, responsabilidade, cobrança. Tenho a consciência limpa do que sou, do meu caráter, da minha personalidade, que é forte. Não tive nada, eles tiveram a oportunidade de ter feito algo, não fizeram, estou aqui e muito feliz – afirmou, lembrando que só teve proposta oficializada do Chipre e do Fortaleza, e não do Alvinegro.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui