Mais fé em Deus, é preciso! Por Wilson Aquino

0

O maior problema que as pessoas enfrentam hoje é a falta de fé em Deus. Sua ausência na vida de jovens, adultos e idosos, da família em especial, é a raiz do mar de dificuldades que atravessam nesses últimos tempos, agravados pela pandemia, pelas crises econômicas e políticas, pelas guerras e por todo tipo de violência contra a humanidade.

Não basta sermos um povo, como no Brasil, onde mais de 90% da população se diz Cristã, se não exercermos a fé em Deus.

Ao mencionar as palavras fé e mar e o nome do Senhor, ocorre a lembrança da brilhante passagem bíblica que demonstra bem o significado do que estamos falando. O livro de Mateus relata que Pedro, ao ver Jesus andando sobre as águas do mar em direção ao barco em que estava, o discípulo do Senhor, depois do susto e de achar que se tratava de um fantasma, pediu ao Senhor que o chamasse para que também pudesse andar sobre as águas. E o Senhor então o fez, chamou Pedro, que não pensou duas vezes e desceu do barco e passou a andar sobre as águas em direção a Cristo. Ocorreu que, quando os ventos o tocaram, Pedro se distraiu e foi tomado pelo medo. Ou seja, abandonou a fé e isso bastou para que começasse a afundar. Desesperado, pediu ajuda ao Senhor, para que não se afogasse.

“E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o e disse-lhe: homem de pouca fé, porque duvidaste?”

Da mesma forma que Pedro, quantos de nós já não passou pela mesma situação? Acreditou fielmente no Senhor e deu início a uma caminhada gloriosa, mudando o jeito de ser, de pensar e de fazer as coisas, até ser “abalado” por algum vento forte, que o fez desviar do foco e temer continuar daquela forma, confiante no Senhor?

Quantos de nós, ao desviar do caminho, fez como Pedro: implorar pela ajuda do Senhor?

É por isso que muitos vivem agonizantes, como se afogando sem a ajuda de Deus que tudo acalma, conforta, consola e dá segurança para que todo indivíduo possa trilhar o caminho, de maneira segura, com confiança e alegria.

Apesar do sofrimento e as provações fazerem parte da vida de todo ser humano, pois assim foi estabelecido o Plano de Salvação, por meio da fé e da obediência aos mandamentos e ensinamentos de Deus, o homem pode ter alegria e proteção Divina. Ele e sua casa, no dia a dia. Desde que tenha fé e obedeça aos ensinamentos do Senhor.

Um testemunho cada vez mais frequente em meio à comunidade é de que a vida é mesmo muito difícil para todos, porém, é muito pior para todos aqueles que se recusam a se aproximar e a acreditar em Deus.

Fé é uma “esperança nas coisas que se não veem e que são verdadeiras” (Alma 32:21 e Hebreus 11:1). É o primeiro princípio do Evangelho. Um princípio de ação e poder que motiva nossas atividades diárias.

Será que estudaríamos e aprenderíamos se não acreditássemos que poderíamos adquirir sabedoria e conhecimento? Será que trabalharíamos todos os dias, se não tivéssemos esperança de que, ao fazê-lo, alcançaríamos algo? Será que um lavrador plantaria, se não esperasse colher? Todos os dias agimos com base naquilo que esperamos alcançar, uma vez que não podemos ver o resultado final. Isso é fé.

Muitas histórias das Escrituras Sagradas contam como grandes coisas foram conseguidas por meio da fé:

Pela fé, Noé construiu uma arca e salvou sua família do dilúvio (Hebreus 117). Moisés separou as águas do Mar Vermelho (Hebreus 11:29). Elias invocou fogo dos céus (I Reis 18:17-40). O poder da fé acalmou mares, abriu visões e respondeu a orações.

Ao estudarmos cuidadosamente as escrituras, aprenderemos que a fé é uma forte crença sobre a verdade existente dentro da alma, que nos motiva a fazermos o bem. Precisamos centralizar nossa fé no Senhor Jesus Cristo.

Para aumentar nossa fé no Senhor, devemos nos ajoelhar toda manhã e toda noite em oração a Deus. Expressar a Ele nossa gratidão e os desejos de nosso coração. Ele é a fonte de toda sabedoria Ele vai ouvir e responder a nossas orações.

Devemos estudar as escrituras todos os dias e aplicar em nossa vida o que lemos. As Escrituras são uma fonte poderosa de revelação e orientação pessoal e uma força constante para nosso testemunho. Sejamos humildes e dispostos a ouvir o Espírito Santo e a seguir Seus sussurros. Coloquemos a sabedoria do Senhor acima de nossa própria sabedoria.

Se fizer essas coisas, o Senhor fará muito mais por sua vida do que você poderia fazer por si. Ele vai aumentar suas oportunidades, expandir sua visão e fortalecê-lo. Ele lhe dará a ajuda de que necessita para enfrentar as provações e seus desafios.

Então, vamos adquirir um testemunho mais forte e sentir a verdadeira alegria que advém de conhecer nosso Pai Celestial e Seu Filho Jesus Cristo.
(*Com informações de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias)

 

 

*Wilson Aquino; Jornalista e Professor

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui