Militares de Mundo Novo socorrem vítima de gravíssimo acidente na BR-163

0

#TvSobrinho #MaisConteúdo
Nesta terça (15/03), em retorno da capital do estado para a cidade de Mundo Novo, a PMA, em uma viatura com quatro militares ambientais, acabou se deparando com um grave acidente e prestando socorro às vítimas na localidade.

A ação ocorreu na BR 163, sentido Caarapó-MS/Juti-MS, no km 181, onde os militares de depararam com um acidente de trânsito do tipo colisão, envolvendo três veículos, sendo um caminhão caçamba Mercedes Benz LK2318 com placas BNQ1H88 de Caarapó/MS.

Um segundo veículo envolvido foi um Caminhão Tanque Volvo/VM260 6x2r placas EFW0730 de Carapicuíba/SP, e o terceiro um Fiat Strada Placa HHP9738 de São Paulo/SP.

Segundo informações obtidas, uma das vítimas se encontrava presa entre as ferragens, porém a outra foi arremessada as margens da via de rolamento e acabando a ser acometida de mal súbito.

O condutor da Strada se encontrava em estado de choque, onde no mesmo momento do acontecido, acionou o Corpo de Bombeiros, que veio de Caarapó, e a CCR.

Após a visualização do acidente, os militares de Mundo Novo iniciaram o socorro das vítimas com intuito de retirar a que estava presa nas ferragens, logo desligando o sistema elétrico do veículo, pois havia fumaça no interior da cabine, sendo utilizado extintores por usuários da via contendo princípio de incêndio.

Em continuação na ação, os próprios realizaram o ordenamento do trânsito, para evitar novos acidentes.

Antes mesmo da chegada do Corpo de Bombeiros, os militares ambientais iniciaram a imobilização cervical e ventilação da vítima, dando início a remoção das ferragens, fato que durou aproximadamente duas horas.

Após um trabalho minucioso e contínuo de retirada, com auxílio da G.U. do Corpo de Bombeiros e a CCR, foi possível remover a vítima das ferragens para atendimentos médicos hospitalares.

A vítima foi encaminhada para ao hospital, juntamente do médico local para acompanhamento próximo e procedimento correto para analisar o seu estado de saúde.

Texto: Bruno Leal
Imagens: PMA Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui