Foragido há oito meses, assassino de mãe e filha em MS é preso no Paraguai

0

Mãe e filha foram assassinadas no dia 04 de maio do ano passado

Antônio Cezar Cavalheiro Soares, 39, autor do duplo femínicidio contra mãe e filha, Érika Rodrigues Salomon, 39, e Nahiala Victória Rodrigues, 20, cometido em Ponta Porã, cidade a 313 quilômetros de Campo Grande, foi preso neste sábado (29) no distrito de Salud Chiriguelo, cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, a aproximadamente 23 quilômetros de Ponta Porã.

Mãe e filha foram assassinadas no dia 04 de maio do ano passado. Técnica de enfermagem, Nahiala  foi morta com três tiros que atingiram a cabeça, no momento em que chegava para trabalhar no Hospital Regional da cidade. A mãe, Érika Rodrigues, também foi morta a tiros logo depois, a aproximadamente um quilômetro de distância, em frente de um mercado. Os crimes aconteceram em plena luz do dia.

Uma mês antes do crime, Nahiala havia sido agredida com um chute e uma cusparada no rosto. A jovem chegou a acionar a polícia na ocasião. Nahiala então continuou a receber ameaças pelo fato de ir morar na casa da mãe. Antes do crime, o autor também chegou a fugir com o filho do casal, que na época tinha cinco meses.

A criança e uma filha adolescente da jovem, ficaram com parentes de Nahiala após o crime. Depois do duplo feminicídio, o autor fugiu para o Paraguai.

Antônio Cezar Cavalheiro Soares foi preso pela polícia paraguaia neste sábado, portando uma pistola. Ele ficará preso no setor de investigação de Polícia Nacional de Pedro Juan Caballero até que seja expulso do País para ser entregue às autoridades brasileiras.

Fonte/ Mídia Max

Artigo anteriorChá Revelação: tradição iniciada nos Estados Unidos ganha cada vez mais espaço no Brasil
Próximo artigoOlavo não morreu

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui