Delegacia de Polícia Civil de Amambai inaugurou Sala Lilás nesta segunda-feira

0

Com a presença de autoridades estaduais e do município, o Governado do Estado de Mato do Sul, por meio da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública, a Delegacia Geral da Polícia Civil e a Prefeitura de Amambai, através da Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres (CPPM) inauguraram nesta segunda-feira, 22 de novembro, a Sala Lilás.

Com o aumento do número de mulheres vítimas de violência doméstica, a Polícia Civil de MS viu a necessidade de um projeto que ajudasse, oferecendo um atendimento diferenciado e especializado. O espaço será diferenciado para o atendimento e registro de ocorrências que envolvam casos de violência contra a mulher, crianças e adolescentes.

O local oferecerá muito mais do que paredes na cor lilás, mas sim acolhimento da mulher que passou por qualquer tipo de violência e com a segurança de que a vítima não ficará em situação de constrangimento, exposta a olhares, comentários e julgamentos.

A Prefeitura de Amambai, como parceira do projeto disponibilizará profissionais de psicologia e de assistência social, por meio de uma escala de sobreaviso, a disposição da Delegacia, chegando assim ao atendimento idealizado pela Lei Maria da Penha e Estatuto da Criança e Adolescente, humanizado, acolhedor e eficiente.

Durante o evento, o Delegado Titular Caio Macedo falou sobre a satisfação de estar presente neste ato em que a Delegacia recebe mais uma grande benfeitoria e tem a certeza de que o município só tem a ganhar. “Este é um serviço que nós queríamos que ninguém precisasse, mas como precisam, é necessário oferecer o melhor atendimento”, afirmou ele.

A gestora da CPPM, Priscila Judice, que no ato representou o prefeito de Amambai Edinaldo Luiz de Melo Bandeira disse que estava emocionada e que este é mais um passo para enfrentar esta triste realidade. “Só podemos agradecer a todos os envolvidos e a todo esse sistema de apoio, hoje uma mulher já foi atendida aqui e o feedback mostrou que estamos no caminho certo”, relatou.

Segundo Lupércio Degerone, diretor do DPI, que no evento representou o Delegado Geral da Polícia Civil Adriano Garcia Geraldo e o Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública Antônio Carlos Videira, quando decidiram abrir novas Salas Lilás, as prioridades foram Amambai e Caarapó devido a importância regional que estes polos apresentam. “A Polícia Civil está cada vez mais evoluindo, precisamos trabalhar nestes crimes não só com braços firmes, mas também com acolhimento, para que todos sintam confiança neste serviço”, afirmou.

O Deputado Estadual Capitão Contar, responsável pela destinação da emenda parlamentar que deu vida a estas Salas esteve presente no ato e falou sobre sua satisfação de fazer parte deste projeto. “Não é apenas uma sala pinta de lilás, é um conceito materializado, a mistura do azul e do rosa, comum para todos”, disse ele.

A diretora da Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas, Rhaissa Espíndola, que no ato representou o Governo do Estado e a Subsecretaria Luciana Azambuja, fez uma homenagem a policial Angélica que esteve por trás deste projeto e afirmou que é motivo de orgulho ter policiais como ela no efetivo. “Em breve serão 25 Salas Lilás em todo o Estado, oferecendo atendimento humanizado para as vitimas de todos os tipos de violência, um projeto feito a muitas mãos, inclusive de muitos homens que estão engajados nesta luta”, concluiu.

A Sala Lilás pode ser encontrada nas dependências da Delegacia de Polícia, localizada na rua Delegado Jacinto Basílio de Oliveira, nº 1448, Vila Guape.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui