Bragantino vence Fortaleza, encerra jejum de vitórias e volta ao G-4 do Brasileirão

0

Derrotado nos últimos três jogos, Massa Bruta volta a vencer com gols de Helinho, Ytalo e Artur; Leão fica na quinta posição

  • REABILITAÇÃO NO BRASILEIRO

    O Red Bull Bragantino pôs fim à sequência de três derrotas seguidas no Brasileirão ao vencer o Fortaleza por 3 a 0, neste sábado, 13. No estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, o Massa Bruta alcançou o triunfo com gols do trio de ataque: Helinho, Ytalo e Artur (de pênalti). O confronto foi válido pela 32ª rodada.

  • OS GOLS

    Helinho abriu o placar logo aos três minutos do primeiro tempo. Aos 14 da etapa inicial, o Braga ampliou. Helinho cruzou a bola na área, e Ytalo marcou. O terceiro gol foi marcado no segundo tempo. Aos 11, Helinho sofreu pênalti. Na cobrança, Artur marcou.

  • CLASSIFICAÇÃO

    Com a vitória, o Bragantino volta ao G-4 do Brasileirão. A equipe sobe da quinta para a quarta colocação, com 52 pontos. O time, porém, tem um jogo a mais que o próprio Fortaleza, que estava em quarto e cai para a quinta posição, com 49 pontos.

  • PRÓXIMA RODADA

    O Bragantino entra em campo novamente na terça-feira, 16, para enfrentar o Grêmio, às 18h, na Arena do Grêmio. O Fortaleza joga o clássico contra o Ceará, na quarta-feira, 17, às 19h, no Castelão.

  • PÚBLICO E RENDA

    Público: 1.978

    Renda: R$ 53.510,00

  • PRIMEIRO TEMPO

    O jogo começou em ritmo intenso, e o gol não demorou para sair. Aos três minutos, o Bragantino abriu o placar com Helinho. O camisa 11 recebeu lançamento na área pela esquerda e mandou para o gol. O Fortaleza tentou sair mais ao ataque, mas o Massa Bruta seguiu com o controle do jogo. E os paulistas ampliaram aos 14. Helinho cruzou na área, e Ytalo desviou para o gol. Após os 20 minutos, o Fortaleza equilibrou o jogo e passou a chegar mais ao ataque. Porém, desperdiçou chances para diminuir a diferença.

  • SEGUNDO TEMPO

    O segundo tempo começou mais truncado, os times com dificuldades para criar jogadas ofensivas. Até que aos 11 minutos, Helinho invadiu a área, deu um chapéu em Titi e caiu na área. O árbitro viu pênalti na jogada, e Artur marcou o gol de pênalti. Com 3 a 0 no placar, o Fortaleza não esboçou reação. Foram poucas as vezes que a equipe conseguiu chegar ao ataque. O Bragantino, por outro lado, controlou o jogo e garantiu a vitória.

    Fonte: Globo Esporte

Artigo anteriorEm confronto direto, Inter vira e vence o Athletico com gols de Edenilson
Próximo artigoPrefeitura de Guaíra atualizou o boletim epidemiológico com novos casos positivos para Covid-19

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui