Senador consegue liberar R$ 6,7 milhões para 6 municípios de Mato Grosso do Sul

0
- Senador estava em reunião com Ministério da Integração, quando recebeu a notícia sobre a liberação de R$ 4,5 milhões do MDR para Campo Grande (Foto Luís Carlos Campos Sales)

O senador Nelsinho Trad (PSD) conseguiu a liberação de R$ 6,7 milhões de recursos federais para seis municípios de Mato Grosso do Sul nesta terça-feira (08). Desses valores, R$ 6,4 milhões do MDR (Ministério do Desenvolvimento Regional) foram para Campo Grande, Brasilândia, Ivinhema, Juti e Sidrolândia e outros R$ 248 mil da Funasa (Fundação Nacional da Saúde) para Japorã.

Na noite de ontem, ainda, o senador Nelsinho Trad recebeu do Ministério do Desenvolvimento Regional a notícia de que Campo Grande foi contemplada com a liberação de R$ 4,25 milhões do MDR para obras da malha viária nas regiões urbanas do Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Imbirussu, Lagoa, Prosa e Segredo.

“Esse valor é de emenda da bancada federal empenhada em 2019. Com mais esse investimento, a gente consegue avançar muito na recuperação da malha viária da nossa Capital”, comentou o senador.

Os demais pagamentos do MDR, na ordem de R$ 2,2 milhões, são de emendas individuais de parlamentares apresentadas em 2017 e 2018 que o senador Nelsinho Trad também se empenhou e garantiu os pagamentos.

O município de Brasilândia recebeu R$ 191 mil, o último pagamento do projeto para recapeamento asfáltico das ruas do Bairro Novo Porto João André. Nos últimos 2 anos e 6 meses, Brasilândia teve R$ 1,2 milhão de recursos, sendo R$ 26 mil da Cidadania, R$ 800 mil do MDR e R$ 200 mil do Ministério da Saúde para combate à covid.

Já Ivinhema teve a liberação nesta semana de dois pagamentos que juntos somam R$ 858.543,00 para obras também de asfalto e R$ 300 mil no ano passado do Ministério da Saúde no combate à covid.

O município de Juti também garantiu cerca de R$ 500 mil para pavimentação de principais ruas da cidade. Para esse munícipio, o senador Nelsinho Trad já assegurou o pagamento de mais de R$ 3 milhões, R$ 1 milhão da Funasa destinado a obras sanitárias, R$ 975 mil da Sudeco (Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste) e R$ 968 mil do MDR para obras de infraestrutura.

Em Sidrolândia, segundo assessoria da Prefeitura, a liberação dos recursos era aguardada desde o começo do ano. Os dois projetos foram apresentados em 2018 ao MDR, nos valores de R$ 330 mil e R$ 368 mil, para obras de drenagem e pavimentação. Só Japorã recebeu o pagamento de R$ 248 mil da Funasa para implantação de melhorias sanitárias domiciliares.

 

 

 

Fonte: Campograndenews

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui