Santos vence, rebaixa o Coritiba e alimenta o sonho de ir à Libertadores

0

Marinho e Marcos Leonardo marcam os gols da vitória do Peixe em casa

  • Peixe sonha; Coxa cai

    O Santos venceu o Coritiba por 2 a 0, neste sábado, na Vila Belmiro, e rebaixou o clube paranaense para a Série B faltando três rodadas para o fim do Brasileirão. Marinho e Marcos Leonardo fizeram os gols da vitória que mantém o Peixe ainda sonhando com uma vaga na Copa Libertadores de 2021.

  • O retorno à Série B

    Com apenas 28 pontos em 35 jogos, o Coritiba cai um ano depois de retornar à elite do futebol brasileiro. São seis rebaixamentos para a Série B na história do clube (1989, 1993, 2005, 2009, 2017 e 2020). Agora, o time cumpre tabela contra Palmeiras (casa), Ceará (casa) e Atlético-GO (fora).

    Ricardo Oliveira em lance com Laércio

    Ricardo Oliveira em lance com Laércio (Foto: Divulgação/Santos FC)

  • Santos se recupera

    A vitória faz o Santos chegar aos 50 pontos, em oitavo lugar, e quebrar a série de cinco jogos sem vencer (três derrotas e dois empates). O Peixe agora torce contra adversários diretos no complemento da 36ª rodada para não cair de posição. A seu favor, tem mais dois jogos seguidos em casa. Na quarta, faz o clássico contra o Corinthians, às 19h, e no domingo recebe o Fluminense. A última partida será contra o Bahia, em Salvador.

    Marinho comemora o primeiro gol do Santos

    Marinho comemora o primeiro gol do Santos (Foto: Santos)

  • Primeiro tempo

    O Santos começou o jogo apertando a marcação em cima da defesa do Coritiba, mas teve dificuldade na criação das jogadas. As chances surgiram em chutes de longe de Marinho, no primeiro minuto, e Luan Peres, aos 12. A pressão, porém, não durou muito tempo. Aos poucos, o Coxa equilibrou a partida e também assustou. Aos 13, Hugo Moura bateu de fora da área, e João Paulo espalmou. Na sequência do lance, Matheus Bueno quase acertou o canto esquerdo do goleiro. O Peixe abriu o placar quando colocou velocidade, aos 36. Marinho recebeu bom passe de letra de Lucas Braga, avançou livre e tocou de cavadinha na saída do goleiro.

  • Segundo tempo

    No desespero para evitar o rebaixamento, o Coritiba voltou mais forte no segundo tempo. Antes mesmo do primeiro minuto, Mattheus Oliveira soltou uma bomba de longe, João Paulo desviou, e a bola bateu no travessão. O Santos demorou, mas respondeu aos 20, com Jean Mota, mas Arthur fez ótima defesa. O goleiro apareceu aos 24 para pegar no canto direito um chute perigoso de Jean Mota. Mesmo sem jogar bem, o Peixe chegou ao segundo gol e fechou o jogo, aos 36. Laércio desviou de cabeça após cobrança de falta de Jean Mota, e Marcos Leonardo, sozinho, só completou para decretar o rebaixamento do Coritiba.

Fonte: Globo Esporte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui