TJD define futuro do Operário no Campeonato Estadual nesta quarta (09/12)

0

A sorte de Operário FC e EC Comercial no Campeonato Sul-Mato-Grossense será definida nesta quarta-feira (9), mas não dentro das quatro linhas. O Tribunal de justiça Desportiva (TJD-MS) analisa a denúncia do Colorado de que o adversário teria escalado um jogador irregularmente na primeira partida entre eles nas quartas de final da competição. O julgamento acontece às 19h em plenário virtual.

O clássico Comerário foi um dos confrontos eliminatórios no retorno do Campeonato Estadual. Na partida de ida, dia 28 de novembro, o Galo venceu por 1 a 0, gol de Jonatas Obina no segundo tempo. O problema é que o lateral Emerson levou o terceiro cartão amarelo na última partida da primeira fase, ainda em março. Apesar dos cartões terem sido zerados na fase seguinte, punições automáticas pelo terceiro amarelo ou cartão vermelhos deveriam ser cumpridas, o que não foi respeitado pelo time alvinegro.

O erro operariano já foi até reconhecido pela Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS), que chegou a punir o clube administrativamente com a perda de três pontos. A punição, porém, seria insuficiente para excluir o time do campeonato, já que conquistou quatro pontos contra um do Comercial – segundo jogo empatam em 1 a 1 – e tem a vantagem da igualdade.

Por isso, a diretoria do time vermelho levou o caso para o Tribunal e pede que o adversário seja punido de acordo com o artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva que, se considerado culpado, é punido com a perda de três pontos, mais a pontuação conquista na partida em questão. Neste caso, o Operário perderia seis pontos, terminaria a fase com -2 e, portanto, eliminado, passando o Comercial para enfrentar o Aquidauanense na semifinal.

 

 

Fonte: CapitalNews

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui