Trump autoriza governo a iniciar protocolos de transição para gestão Biden

0
- Foto: Reprodução/Instagram

O presidente dos Estados Unidos, , concedeu aval para o início da transição formal para o governo de , embora tenha reiterado que acredita que vencerá a batalha jurídica para reverter o resultado das eleições de 3 de novembro “Se continuarmos a boa luta, eu acredito que vamos prevalecer”, escreveu, em publicação no .

O republicano agradeceu a líder da Administração de Serviços Gerais (GSA, na sigla em inglês) da Casa Branca, Emily Murphy, responsável pelo processo, pela “dedicação e lealdade” ao país e alegou que ela sofreu ameaças e abuso. “Não quero que nada aconteça com ela, com sua família ou com a equipe do GSA”, ressaltou.

“Pelos melhores interesses do nosso país, estou recomendando a Emily e sua equipe a fazer o que precisa ser feito em relação aos protolocos iniciais, e orientei minha equipe a fazer o mesmo”, revelou.

Com a permissão de Trump, Murphy enviou uma carta a Biden em que informa que a transição pode começar. “Por conta dos desdobramentos recentes envolvendo disputas legais e certificação dos resultados eleitorais, determinei que você pode acessar os recursos pós-eleições e os serviços descritos na seção 3 da lei (de transição)”, pontuou.

Embora o ex-vice-presidente democrata tenha sido declarado pela imprensa americana vencedor da eleição presidencial, Trump ainda não aceitou a derrota, sob alegação, sem provas, de que houve fraude no pleito. A campanha do presidente entrou com uma série de ações judiciais para tentar reverter os resultados, mas a Justiça rejeitou a maior parte dos processos até agora.

 

Fonte: AgênciaBrasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui