Jorge Jesus revela os dois motivos que o fizeram deixar o Flamengo e diz: “Não me faltava nada no Brasil”

0
(Crédito da imagem: Alexandre Vidal/Flamengo)

Ídolo da torcida do Flamengo, Jorge Jesus pegou os rubro-negros quando decidiu ir ao Benfica. Sem uma entrevista coletiva na saída, o treinador revelou um dos motivos para sair do Rio de Janeiro: a pandemia do coronavírus.

Durante uma entrevista ao canal português TVI, o Mister afirmou que a questão de saúde pesou na escolha. Além disso, exaltou o projeto oferecido pelo Benfica para esse retorno.

“Vários fatos fizeram que eu tomasse a decisão. Primeiro, a pandemia, e, em segundo, o projeto que o presidente do Benfica me expôs”, afirmou.

A amizade de Jorge Jesus com o presidente Luis Filipe Vieira fez a diferença na escolha. O treinador deixa claro que ‘tinha tudo’ no Flamengo e não pensava em sair, já que a renovação aconteceu semanas antes de aceitar a proposta do Benfica.

“ Vim porque ele me convenceu. Estava fora da minha cabeça não continuar pelo menos mais um ano no Brasil. Só ele poderia me convencer, assim como também a pandemia também teve alguma influência nisso. Comecei a pensar que em Portugal… O vírus está no Brasil e em Portugal, mas aqui estava mais perto dos meus e poderia ser um suporte para a minha família em qualquer coisa que pudesse acontecer. No Brasil não me faltava nada”, finalizou.

Enquanto Jorge Jesus foi para o Benfica e acabou caindo no primeiro jogo eliminatório da Champions League, o Flamengo apostou em Domènec Torrent, que ainda não tem a simpatia da torcida.

 

Fonte: FoxSports

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui