Pandemia pode afetar saúde mental de profissionais da saúde

0
- Divulgação

Profissionais da saúde que estão na linha de frente do combate ao coronavírus colocam em risco não só a saúde física, como a mental.

A jornada excessiva de trabalho, cansaço, estresse podem acarretar transtornos psicólogos.

Para auxiliar quem está trabalhando diretamente com a pandemia, o Conselho de Enfermagem de mato Grosso do Sul criou um portal para divulgar materiais de apoio e orientações.

Em uma das publicações da cartilha, a psicóloga Letícia Sanches disse que esses profissionais precisam ficar atentos a sintomas que indicam piora da saúde mental, e que, se frequente, a ajuda de um psicólogo ou psiquiatra precisa ser procurada.

“Cansaço físico e mental excessivo, dor de cabeça frequente, alterações no apetite, insônia/hipersonia, dificuldades de concentração, sentimentos de fracasso e insegurança, negatividade constante, sentimentos de derrota e desesperança”, explicou Letícia.

A psicóloga afirmou que se a pessoa não tem como ter acesso a um psicólogo, conversar com outros atuantes da área da saúde pode ser uma boa alternativa.

“Compartilhar sentimentos e a experiência com alguém que está passando pelo mesmo, pode ajudar a ver o momento de uma maneira diferente e aliviar a angústia. Familiares e amigos também podem ajudar, estar presente faz toda diferença”, garantiu.

 

 

Fonte: CorreioDoEstado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui