21ª morte no MS – Mulher de 51 anos passa mal, fica 45 minutos em UPA e morre de covid-19

0

Paciente passou às 18, em casa, deu entrada às 21h35 na UPA da Vila Almeida e morreu às 22h15. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Morreu em Campo Grande, nesta quinta-feira (4), a 21ª vítima de covid-19 em Mato Grosso Sul. Aos 51 anos, Marilda Monteiro de Souza é a oitava pessoa a morrer da doença provocada pelo novo coronavírus em Campo Grande.

A reportagem apurou que ela não estava internada. Morreu menos de uma hora depois de dar entrada em unidade de saúde.

Diagnóstico – Segundo a Secretaria de Saúde de Campo Grande, a paciente começou a ter sintomas em 26 de maio, com relatos de febre, dor de garganta. A confirmação  por meio de teste de biologia molecular foi feita em drive-thu no dia 29 de maio.

Conforme divulgado, ela não tem histórico de comorbidades, e estava em isolamento domiciliar.

Nesta quinta-feira, segundo informação de familiares repassadas à prefeitura, por volta das 18:00 começou a relatar tonturas na fazenda onde morava, entre eles “respiração ofegante”.

Foi levada por familiares à UPA Vila Almeida. Deu entrada por volta das 21:35 consciente, com sudorese e dificuldade de respirar. Teve uma parada cardiorrespiratória, foram feitas tentativas de ressuscitação sem êxito.

Dados – A morte vai entrar no boletim da covid a ser divulgado  nesta sexta-feira pela manhã. Até ontem (4), foram confirmados 1925 casos da doença em Mato Grosso do Sul. Desses, 341 são em Campo Grande.

É o segundo óbito confirmado na Capital desde domingo.

 

 

Fonte: Campograndenews

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui