Mundo Novo criou o CMDI e elegeu diretoria

0

O avanço na formulação e implantação de políticas públicas para o envelhecimento é hoje um dos principais desafios nacionais.

Para que esse desafio seja adequadamente enfrentado, é preciso que os Conselhos dos Direitos do Idoso e as políticas setoriais existentes em cada município (saúde, assistência social, educação, cultura, esportes e lazer, transportes, moradia, acessibilidade, trabalho e renda, entre outras) somem forças, articulem-se com os serviços controlados pelos Estados e atuem conjuntamente, buscando conhecer a realidade da população idosa para transformá-la de maneira sustentável.

Segundo o Estatuto do Idoso, as competências dos Conselhos dos Direitos do Idoso são “a supervisão, o acompanhamento, a fiscalização e a avaliação da política nacional do idoso, no âmbito das respectivas instâncias político-administrativas”.

Reportagem e edição: Ademar Silveira/Semcos

Artigo anteriorDiz Aí Prefeito desta quarta-feira (20), Valdomiro Sobrinho falou sobre o Governo mundonovense
Próximo artigoLalá Brisk recebeu a linda Hadassa e teve um bate-papo lindo com ela

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui