Semifinal pode ter três times repetidos dos últimos três anos

0
Sete e Operário se enfrentaram em duas semifinais nos últimos três anos (foto: arquivo/Renato Giansante)

Os três últimos campeões sul-mato-grossenses estão novamente na disputa do título desta temporada. Mais do que isso, Sete de Dourados, Corumbaense e Operário podem garantir a quarta semifinal seguida e vem provando que são as novas “forças” do Estado.

Em 2016, o Sete eliminou o Operário na semifinal para depois conquistar o título sobre o Comercial que havia passado por Corumbaense. No ano seguinte, foi a vez do Carijó ser campeão depois de eliminar o Galo na semifinal e fazer a final contra o Novo que tinha passado pelo Sete.

Em 2018, o Operário eliminou o Sete na semifinal e fez a decisão contra o Corumbaense, conquistando o título da competição.

Já neste ano, o Sete tem grande vantagem sobre o Costa Rica para ir a mais uma semifinal. No domingo passado, venceu os rivais fora de casa por 2 a 0 e pode até perder o jogo da volta pelo mesmo saldo de gols em Itaporã.

O Corumbaense, que também esteve na semifinal de 2015, mas foi derrotado para o Ivinhema, agora joga por um empate contra o Comercial para avançar. No domingo, derrotou o Colorado em Corumbá por 2 a 1. Já o atual campeão Operário terá que vencer o Aquidauanense para manter a escrita. No sábado passado, perdeu para o Azulão por 1 a 0 e só se classificará se vencer o jogo por qualquer placar no Morenão.

Caso os três avançam, a decisão de 2018 irá se repetir já na semifinal. Operário e Corumbaense tem o mesmo caminho para chegar a decisão. Do outro lado, o Sete, caso passe pelo Costa Rica, enfrentaria o vencedor de Serc e Águia Negra. No primeiro jogo, a Serc venceu por 1 a 0 em Chapadão do Sul.

Fonte: Gazetams

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui