URSO começa o Estadual vencendo na capital do estado

0

Vídeo acima (youtube com entrevistas com os técnicos dos times no intervalo e no final do jogo, além do meio-campista Rilber (URSO)

Jandaia Caetano (Texto)

Bruno Leal (Imagens, reportagens e fotos)

O URSO – União Recreativo Social Olímpico começou muito bem o Estadual Série A de Mato Grosso do Sul. Jogando em Campo Grande, neste domingo (20), venceu o Novo, no Estádio das Moreninhas.

A vitória veio com um gol logo aos 3 minutos de jogo. Rancharia bateu uma falta lateral no “veneno” e o zagueiro do Novo fez contra. Logo aos 5 o Novo empatou, mas o gol foi anulado pela arbitragem. O técnico Piá, ex-atleta de Santos, Corinthians e Ponte Preta, reclamou do lance no final do jogo – veja https://www.youtube.com/watch?v=WG4nnPX4HNY . Aos 15, o goleiro do URSO não saiu bem do gol e o Novo quase marca.

Chance clara de gol voltou a acontecer aos 16, quando Peixinho deixou Bruno na cara do gol. O volante quis dar “um tapa” por cima do goleiro e perdeu a boa oportunidade de ampliar. Aos 18, Wesley sofreu falta, bem batida pelo volante Rilber. O goleiro rebateu. Aos 22 , um susto para a torcida ursolina. Marcelo (Novo) ganha do zagueiro Mário, mas cabeceia para fora.

Piá mexe no Novo logo aos 34 minutos, com Alison no lugar do meia Lucas. Aos 37, após três entradas fortes, o lateral-esquerdo Luiz Cláudio (URSO) leva amarelo. Na sequência o meia rancharia faz linda jogada e deixa o atacante Guilherme na cara do gol. Ele desperdiça chutando em cima do goleiro. A última boa chance do 1º tempo foi com o Novo, aos 39. Felipe chutou de fora da área e Diego fez boa defesa.

Pedro Caçapa diz ao final do 1º tempo – veja 

https://www.youtube.com/watch?v=Hs-VJL2FaBg

Piá comenta no intervalo – veja https://www.youtube.com/watch?v=xcj8bTHB5Fc

2° tempo teve pressão do Novo, mas URSO suportou bem

Na volta do intervalo não tivemos mais mudança. A chuva apertou e o URSO teve a terceira chance clara de ampliar, logo a 1 minuto. Bruno fez bela jogada e Rancharia finalizou mal na pequena área. A resposta do Novo veio com uma bola na trave aos 8 min., com Matheus. Diego não foi bem na saída de bola e, no rebote, a bola bateu na trave e saiu.

A chuva cessou e tivemos boa cabeçada de Mário aos 11 e Rilber (URSO) cobrando falta perigosa aos 18. O Novo só fez pressão no final do jogo, com escanteios em sequência. O “abafa” não surtiu efeito e o time mundonovense estreou com vitória.

Ao final do jogo o técnico Caçapa e o volante Rilber foram entrevistados – veja https://www.youtube.com/watch?v=y9ZC89QaENw  

URSO: Diego, André, Fabão, Mário e Luiz Cláudio (A*); Rilber, Bruno, Rancharia (Mancuso) e Wesley (Junior Paranhos); Peixinho (A*) e Guilherme (Adson). Técnico: Pedro Caçapa. * Cartão Amarelo

Novo: Jackson, João Pedro, Lucas, Jhonnatan e Diogo; Ricardo, Matheus e Lucas (Ailson); Hugo (Jhon), Marcelo e Felipe, A* – (Dionísio, A*). Técnico: Piá.

Notas dos atletas e técnico do URSO:

Diego – Inseguro em algumas bolas aéreas, fez uma boa defesa quando foi exigido. Nota: 5,5;

André – Consistente na marcação e tranquilo na posse de bola. Nota 6,5;

Fabão – Foi bastante exigido nas bolas aéreas e participou do lance de gol. Nota 6,5;

Mário – Firme na marcação, fez uma boa partida. Nota 6,5;

Luiz Cláudio – Não comprometeu. Esteve na média. Nota 6,0;

Rilber – Fez um bom jogo, com tranquilidade na saída de bola. Nota 6,5;

Bruno – Errou passes no começo, mas entrou no jogo e fez boa partida, aparecendo na frente. Nota 6,5;

Rancharia – Foi o melhor da partida. Se movimentou bastante, deu assistência, e estava com o pé calibrado nas bolas paradas. Nota 7,5;

Wesley – Ajudou enquanto teve força para acompanhar o lateral e sofrer faltas puxando o contra-ataque. Cansou no início do 2º tempo e foi substituído. Nota: 6,0;

Peixinho – Deu duas boas assistências para Bruno, em chances claras, além de ajudar na recomposição. Nota: 7,0;

Guilherme – Teve uma atuação regular, mas perdeu ótima oportunidade. Nota 6,0;

Entraram:

Junior Paranhos (Wesley – aos 31 do 2º tempo) – Titubeou na marcação, em um momento em foi mais exigido nesta área.

Mancuso (Rancharia – aos 39 do 2º tempo) – Entrou para ajudar e ajudou. Um pouco afoito, mas contribuiu.

Adson (Guilherme – aos 45 do 2º tempo) – Na primeira jogada mostrou que não entrou desligado e “mordeu” o zagueiro. Às vezes somos avaliados por um lance. Nota: 6,0;

Técnico Pedro Caçapa – Aparenta ter o time na mão e conseguiu montar uma equipe melhor que a do ano passado. Nota 7,0;


Apoio na realização da matéria:

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO HUMANAS E EXATAS (Fahe Fac) – Três cursos presenciais e mais de 40 à distância pela Cruzeiro do Sul (Matrículas abertas – Agende o seu Vestibular);

SICREDI, Gente que Coopera Cresce! Crédito Consignado para funcionário público municipal e estadual com taxas baixíssimas;

PESQUE PAGUE BUSCAPÉ – Sob Nova Direção, reabre no próximo dia 25.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui