Matou aposentado com golpes de martelo na cabeça por causa de mulher

0

O assassinato de Belarmino Barbosa de Souza, de 58 anos, teria sido motivado depois do aposentado ter descoberto que ‘Lagoa’ estaria tendo um caso com sua ex-mulher. A vítima foi morta a marteladas e o corpo encontrado nesta segunda-feira (26), em um matagal na cidade de Aquidauana – a 135 quilômetros de Campo Grande.

Em depoimento ao delegado Eder Oliveira Moraes, Geronilson Souza do Nascimento, o ‘Lagoa’ disse que morava na casa junto de Belarmino e que tinha se conhecido em 2016 quando trabalhava em uma oficina mecânica. O aposentado teria descoberto através de mensagens trocadas, que ‘Lagoa’ estaria tendo um relacionamento com sua ex-mulher, segundo o site O Pantaneiro.

Os dois passaram a discutir e Geronilson teria ironizado Belarmino. ‘Lagoa’, então teria desferido um soco no aposentado e em seguida com um martelo golpeado a cabeça da vítima, que foi enrolada em um cobertor, colocada dentro do carro e o corpo abandonado em meio a um matagal.

Depois de abandonar o corpo do aposentado, ‘Lagoa’ teria tentado sacar dinheiro da conta de Belarmino, mas não conseguiu. O veículo foi abandonado com marcas de sangue em uma estrada que dá acesso ao distrito de Cipolândia.

‘Lagoa’ ainda passou a noite de domingo (25) em uma casa de shows até ser preso pela manhã em um assentamento onde estava escondido. Ele deve responder por latrocínio e ocultação de cadáver.

Passagens

‘Lagoa’ tem 23 passagens pela polícia, entre elas por furto, lesão corporal dolosa, violência doméstica, tentativa de homicídio, tráfico de drogas e roubo. Ele será transferido para um presídio de Campo Grande.

O caso

No domingo (25), o carro da vítima, um Gol, foi encontrado com marcas de sangue em uma estrada de acesso ao distrito de Cipolândia. Belarmino morava no Jardim Panamá, em Campo Grande e a família registrou boletim de ocorrência na manhã deste domingo (25), na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

A filha dele disse aos policiais que teve o último contato com o pai, por volta das 10 horas de sexta-feira, porém, não morava com ele.

Artigo anteriorMembros do PCC são presos com instrumento de tortura em cidade de MS
Próximo artigoProfessor da UFMS confessa pedofilia nas redes sociais e causa revolta entre alunos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui