Acusado de tentar matar homem com 4 facadas é condenado a 6 anos de prisão

0
Foto ilustrativa

Donizete de Oliveira, conhecido como Pequeno, de 32 anos, foi condenado a seis anos, dez meses e quinze dias de prisão em regime semiaberto, por ter tentado matar com 4 facadas, Cleiton Gil Cosmo Moreira.

Ele foi levado a júri nesta segunda-feira (19), depois de quatro anos após o crime, ocorrido em 21 de março de 2014. O julgamento estava previsto inicialmente para o dia 12, mas foi adiado. À época do crime, Cleiton foi esfaqueado em frente à Igreja Assembleia de Deus, localizada no Bairro Argemiro Ortega, na cidade.

A vítima levou o primeiro golpe nas costas quando estava em um bar, ainda saiu correndo, mas caiu na rua e foi atingido mais vezes. Ainda conforme o site Nova Notícias, Cleiton ainda conseguiu se levantar, correu e após ser socorrido pelo irmão, foi levado até o Hospital Regional, onde foi operado.

O jovem foi atingido no ombro, braço e costas e uma das facadas perfurou o seu pulmão. Consta na denuncia do Ministério Público, que o que teria motivado o Donizete a tentar matar o homem, foi por tê-lo visto dar um abraço em sua ex-esposa.

Contudo e conforme a sentença, o réu ainda terá direito de recorrer em liberdade e também foi condenado a pagar as custas do processo, conforme o Nova Noticias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui