Apresentado com a 7 no Bayer Leverkusen, Paulinho exalta tradição brasileira no clube

0

Após chegar a Alemanha e iniciar os trabalhos com o Bayer Leverkusen no início da semana, Paulinho enfim foi apresentado formalmente como novo camisa 7 da equipe alemã nesta quinta-feira. Além de uma sessão de fotos, a jovem promessa que deixou o Vasco no primeiro semestre concedeu sua primeira entrevista coletiva no clube.

– Havia outros clubes interessados, mas estou feliz. O Leverkusen é um time conhecido no Brasil no qual muitos brasileiros se destacaram. Para mim, ao tomar as decisões, o Bayer Leverkusen representou apenas o pacote total. Eu sou autocrítico e acho que ainda há muitas áreas nas quais tenho eu que melhorar. E espero que isso aconteça aqui. A tradição dos brasileiros em Leverkusen é antiga: Jorginho, Paulo Rink, Emerson, Roque Júnior, Zé Roberto, França, Tita…

A promessa foi vendida ao Bayer Leverkusen por € 20 milhões (cerca de R$ 85 milhões) no primeiro semestre, sendo que o Vasco tinha direito a 65% do valor total (algo em torno de R$ 55,25 milhões). O contrato, porém, só pôde ser assinado a partir de 15 de julho, depois que Paulinho completou 18 anos, e por isso só agora a apresentação.

– Acho que a grande diferença para o futebol brasileiro é a intensidade, tanto no treino quanto nos jogos. A Bundesliga tem muitos times fortes, a liga é muito competitiva. Estou empolgado para começar a jogar – completou o jogador.

O Bayer Leverkusen faz dois amistosos nesta semana que podem marcar a estreia de Paulinho. Primeiro, enfrenta o Sportfreunde sábado às 10h (de Brasília) e na terça, às 14h, encara o Wuppertaler .

Artigo anteriorPastor evangélico é preso suspeito de chefiar quadrilha de roubo a bancos
Próximo artigoAnderson Silva exorciza fantasma do doping: “A verdade foi esclarecida”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui