Munícipes que fazem ligação de resíduos na rede pública terão 30 dias para se adequar

0

Semcos

Os munícipes que fazem ligação direta do seu esgoto sanitário na rede de galeria pluvial do município terão trinta (30) dias para se adequar. A informação é da secretaria municipal de Infraestrutura e Serviço Urbano.

Após reunião com o Ministério Público Estadual, a promotoria local apontou a necessidade imediata para realizar estas adequações. Segundo o secretário municipal de Infraestrutura, há estas ligações em vários bairros, inclusive de comércios. O lançamento de resíduos do vaso sanitário e pias diretamente nas galerias prejudica os vizinhos e é contrária a saúde pública da população em geral, sendo um risco á saúde. A Vigilância sanitária municipal está acompanhando todo o processo.

Como o município não conta com Saneamento Básico, será necessário que cada morador ou comerciante providencie a sua fossa séptica. A partir do dia quinze de outubro (15) o Governo de Mundo Novo deve acompanhar e fechar todos os canais diretos com a rede de galeria pluvial do município. O forte odor vem causando desconforto na população, em especial no bairro Universitário.

Segundo lei municipal de 1986, sancionada pelo então prefeito José Carlos da Silva, aponta, no seu artigo 308 do Código de Obras: “Não serão permitidas ligações de esgotos sanitários e lançamento de resíduos industriais em rede de águas pluviais, bem como ligações de águas pluviais em rede de esgotos”.

 

#PraCegoVer – Imagem do Ministério Público local e visão aérea do município.

Ministério Público quer solução rápida para a questão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui