A volta da camisa branca: veja todas as outras vezes que a seleção brasileira usou o modelo

0
Brasil estreia nesta sexta-feira na Copa América com novo uniforme, lançado em homenagem ao time campeão do Sul-Americano de 1919. Cor não era utilizada desde 1954

A seleção brasileira estreia nesta sexta-feira, às 21h30 (de Brasília), na Copa América. O adversário será a Bolívia, no Morumbi. Os torcedores terão a oportunidade de ver a equipe com o novo uniforme branco, feito em homenagem aos 100 anos do primeiro título da Seleção, no Sul-Americano de 1919, considerada a primeira Copa América.

A camisa branca brasileira tem história. Confira:

1914

A primeira seleção brasileira usou esta camisa em seu jogo inaugural contra o Exeter City, clube da terceira divisão inglesa. Os melhores jogadores do Rio de Janeiro e de São Paulo venceram os ingleses por 2 a 0 diante de 3000 pessoas no Estádio das Laranjeiras.

1917

Pela primeira vez foi usado o escudo da CBD (Confederação Brasileira de Desportos). A camisa reserva vermelha foi um improviso após o Brasil ser sorteado para jogar com o segundo uniforme contra Argentina e Chile, que também usavam uniformes brancos no Sul-Americano.

1918

Este uniforme foi utilizado apenas uma vez pela seleção brasileira num amistoso contra o Dublin FC, do Uruguai. O jogo foi no Rio de Janeiro, no Estádio General Severiano, atual sede do Botafogo. Os uruguaios venceram a partida por 1 a 0.

1919

Foi o uniforme da Seleção por 10 anos. Com ele, o Brasil conquistou seu primeiro título continental, ao vencer o III Campeonato Sul-Americano de Futebol, realizado no Rio de Janeiro com as seleções uruguaia, argentina e chilena.

1930

Foi o uniforme usado na primeira Copa do Mundo, realizada no Uruguai. Em relação ao modelo anterior, houve uma mudança na gola da camisa e no escudo da CBD (Confederação Brasileira de Desportos), que permaneceu sem mudanças significativas até 1967.

1934

Para a segunda Copa do Mundo organizada pela Fifa, na Itália, a seleção brasileira manteve a cor branca de seu uniforme. Houve apenas uma pequena mudança na amarração do cadarço da gola, que ficou um pouco maior.

1938

Para a terceira Copa do Mundo, realizada na França, o Brasil inovou na gola de sua já tradicional camisa branca. Os cadarços das copas anteriores deram lugar a um modelo em “V”.

1950

Para a primeira Copa do Mundo em casa, a Seleção mudou mais uma vez a gola da camisa, usando o modelo “polo”. Por conta da derrota para o Uruguai na final, a camisa branca nunca mais foi usada pelo Brasil em Copas do Mundo.

2004

No dia 19 de maio daquele ano, houve um amistoso em Paris entre Brasil e França, os últimos campeões do mundo, como parte das comemorações dos 100 anos da Fifa. O uniforme branco utilizado era réplica dos primeiros usados pela equipe, em 1914.

2019

Daniel Alves com a nova camisa branca do Brasil — Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Daniel Alves com a nova camisa branca do Brasil — Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O modelo que o Brasil utilizará nesta Copa América é inspirado no uniforme utilizado na conquista do Sul-Americano de 1919. Ela tem uma gola polo clássica na cor azul e os mesmos atributos do uniforme principal. Os detalhes nas mangas, números nas costas e no centro do peito são em azul.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here